Luzes na piscina!

Ao projetar uma piscina, uma das coisas que por muitas vezes pode não passar pela cabeça dos profissionais e clientes é a iluminação interna da mesma. Além de tornar o projeto paisagístico ainda mais bonito, as luzes internas garantem segurança e versatilidade, já que os banhos podem acontecer na parte da noite.

Atualmente, o mercado possui várias formas de iluminação de piscina, e vamos falar de algumas delas.

LEDs: o sistema mais econômico de todos. É eficiente na iluminação subaquática de piscinas de vinil, fibra e alvenaria. Porém, por conta da baixa intensidade de luz que essas lâmpadas geram, geralmente são instalados vários pontos, para a obtenção de fachos mais concentrados. Outro ponto positivo é a baixa manutenção.

Fibra ótica: um dos métodos mais seguros, já que não oferece risco de choques. Além disso, tem o efeito estético mais apropriado para piscinas, principalmente se é uma obra grande.

Refletores: de todos os sistemas, o mais potente. Podem ser utilizados em diversos tipos de piscina, e são uma espécie de fachos de luz branca (ou colorida) na piscina. O efeito é muito bonito e potente. Indicado para piscinas grandes.

A imagem ilustra um projeto da Desjoyaux, marca de Curitiba que iluminou sua obra e revestiu o espaço com as linhas Atérmica e Madeira da Senhor das Pedras.

piscina noite

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>